RADIO MM

FUTEBOL ENTRETENIMENTO E  MUSICAS DE  SUCESSO

Um novo show

Mais um show do Mengão. Na vitória contra o Avaí, apesar da fragilidade do adversário, o Flamengo mostrou que está sobrando, independente de quem enfrenta, coroando o grande momento que está vivendo. Superior em os momentos do jogo, apertando na marcação, não deixando o oponente jogar, e acima de tudo jogando sempre em direção ao gol, o time encanta a todos. Ranier mostrou que está pronto para o que der e vier. Gabi Gol como sempre deixa a sua marca de artilheiro. Gerson outro destaque está jogando muito, em qualquer função que é colocado, fazendo a torcida esquecer Cuellar, aliás, quem é ele mesmo?

Matar um
leão por jogo

A vitória contra o Fortaleza mostrou que o Fluminense tem que matar um leão por jogo, até sair da área do rebaixamento. Contra o Palmeiras também foi assim e não deu certo já que o Fluminense perdeu. Aos poucos as vitórias vão chegar e o sufoco passar. Ainda tem muito campeonato, um turno inteiro, e com isso a confiança tem que existir. Mesmo com os percalços vamos acreditar que as coisas vão engrenar. Mais uma coisa é certa: Se perder mais jogos, mesmo tendo sido recém contratado Osvaldo de Oliveira cai. Por isso ganhar para ele e a garantia da manutenção do emprego e do projeto de trabalho, se é que existe algum. Aliás, Celso Barros tão imponente quando fritou Fernando Diniz, hoje e só um arremedo do que foi para o clube, já que seu dinheiro não existe mais. A versão 2019 é só a pessoa física.

Seleção

Após ganhar a Copa América sem Neimar, lesionado e envolvido em escândalos extra campo o Brasil voltou a jogar em dois amistosos, empatando com a Colômbia e perdendo para o Peru, com Neimar jogando. Até quando Tite vai teimar em convocar um jogador que não quer mais ser jogador, preferindo ser pop star. Punido pelo PSG, que não quis vende-lo, vai ter que jogar a contra gosto em Paris. Quanto a servir a seleção, de uma vez por todas, ele não deve ser mais convocado, para o bem do prosseguimento do trabalho, rumo à próxima Copa. Por favor, Tite, caia na real.

Hombridade e profissionalismo

O caos chegou ao Botafogo. Água cortada no complexo do Engenhão atraso de dois meses nos salários de carteira, atraso de três meses nos direitos de imagem, funcionários dependendo de caridade para ir trabalhar, e nem por isso os jogadores deixaram de honrar a camisa, conseguindo uma grande vitória contra o Atlético Mineiro, mostrando que são profissionais e acima de tudo, homens de caráter. Parabéns a todos e que sirva o exemplo, para aqueles que mesmo com tudo em dia, fazem corpo mole, fazendo dos clubes e da paixão da torcida mero instrumentos, para enriquecerem a si e aos seus.