RADIO MM

FUTEBOL ENTRETENIMENTO E  MUSICAS DE  SUCESSO

Foi lindo

Abel começou muito mal sua trajetória no Vasco, ao colocar time reserva contra o Flamengo, que em função da final do mundial de clubes, ainda não voltou das férias, colocando no estadual, um time sub 23. Depois da derrota, nas entrevistas do vestiário disse que o time perdeu mais foi lindo. Ao que parece não aprendeu a lição de sua passagem pelo Flamengo. Onde foi queimado por declarações parecidas, tipo, perder é normal. Por tudo isso, apesar de grandes serviços prestados ao futebol, acho que sua carreira está chegando ao final.

Um novo Flu

Agora sob o comando de Odair Hellmann a nova cara do Flu está agradando. Sou da opinião que se deu certo, muda tudo. E assim foi feito nas Laranjeiras. Com muitas contratações a equipe começa a se acertar, e não é a toa que venceu as  duas primeiras pela Taça Guanabara. Sabemos das limitações a nível nacional, mais de tijolinho a tijolinho vai se construindo a casa tricolor.

A contratação
de Pedro

Pedro é do Mengão. O negócio foi fechado com o jogador vindo emprestado por um ano, com o preço do passe estipulado. Com essa conquista o Flamengo atende Jorge Jesus e traz um centro avante de ofício, um avançado, para dar opções táticas ao ataque rubro negro. Jogador revelação do Brasileirão 2018 pelo Fluminense vai ter a oportunidade de mostrar seu futebol numa equipe ajustada e vencedora. Grande contratação.

Gabigol muito próximo

Está muito perto o acerto do Flamengo com gabi Gol. As partes já chegaram a um denominador comum na parte financeira, e apenas detalhes pequenos precisam ser finalizados para o anúncio oficial. Com isso o Mengão mantém o time vencedor do ano passado, reforçando com contratações de alto nível, vislumbrando um 2020 sem concorrentes no cenário nacional. Apesat de se colocar no mercado internacional, Gabriel não recebeu propostas do exterior, facilitando a negociação para o rubro negro.

A briga

A TV não vai transmitir os jogos do Flamengo na campeonato carioca, A equipe rubro negra que recebia 18 milhões pela competição pediu vinte e cinco, mais que qualquer outro clube no Brasil, alegando que ele sozinho vendia mais paper view que os outros juntos, e por isso teria que ganhar mais. A Rede Globo não concordou, e não havendo acordo, as negociações foram encerradas. Acho que todo esse zelo financeiro a diretoria rubro negra deveria ter ao indenizar as crianças mortas no ninho do urubu, coisa que até agora só aconteceu com três famílias e meia. Por falar nisso seis sobreviventes foram mandados embora do clube, sob alegação de deficiência técnica. Com a palavra o Presidente Landim

Desdém com
o cariocão

O Botafogo ignorou completamente o início do cariocão, preferindo continuar na pré temporada. Não entendi. Se existia uma chance de conquista para o clube, isso seria na Taça Guanabara, onde todos estão praticamente igualados. Com o passar da competição as dificuldades aumentam. Alberto Valentim não tem um grande elenco a disposição. O clube passa por sérios problemas financeiros, por isso poderia ter entrado com tudo no primeiro turno. Com a estratégia errada em duas rodadas não fez um ponto sequer. Coisas do Botafogo.

Covarde e canalha

A demissão de Paulo César Cajú do Jornal O Globo pelo editor Márvio dos Anjos, mostra quanto um ser humano pode ser covarde e canalha. Há mais de quatro anos escrevendo uma coluna, fez uma reflexão sobre de como a grande maioria da imprensa se comportou na derrota do Flamengo para o Liverpool, poupando o rubro negro de críticas, enfatizando só o lado positivo da disputa, levantando a suspeita de forma intrínsica da existência da Flapress, jornalista que vestem a camisa do Flamengo na hora de emitirem sua opinião, e por isso foi demitido. Esse pseudo editor foi flagrado na redação do Jornal aos pulos de alegria, em uma vitória do Mengão. O ato repercutiu de forma imediata, inclusive com acusações de racismo. Diz um ditado: quer conhecer o ser humano, dê poder a ele. Globais muitas vezes se deslumbram na Venus Platinada. Mais uma coisa é certa: Nada vai diminuir ou apagar a história desse grande jogador brasileiro. Ele tem direito a opinião embasado por tudo que fez pelo nosso futebol. Tem todo o nosso respeito e carinho. Aliás ninguém e Márvio e todo mundo e Cajú.

Vai começar
o Cariocão

Vai começar o Cariocão. Criticados por muitos e defendidos por poucos carrega em si o adjetivo de o mais charmoso Campeonato Regional. Esvaziado pelo Flamengo que irá disputa-lo com uma equipe sub 23, recheada com alguns profissionais, dá a oportunidade de Vasco, Fluminense e Botafogo brigarem pelo título principalmente, o da Taça Guanabara que vale pelo primeiro turno. A tendência e que mais cedo ou mais tarde a competição acaba de vez, para o desespero do Presidente da Federação de Futebol do Rio, Rubens Lopes, que praticamente mantém a entidade com o campeonato.